sábado, 1 de outubro de 2016

A TRAGÉDIA DE DEUS: UM GOLPE!!


Um trabalhador da construção civil, servente de pedreiro muito eficiente, chega diante de um condomínio de luxo que ajudou a construir. Olha para o arranha-céu e o contempla. Como num filme, lembra os meses de trabalho quando fazia a massa para unir os tijolos compactados que tornaram-se uma unidade. Seu desejo é poder morar ali, ser acolhido como parte dos seus moradores, conviver, amar e ser amado...
É assim que Deus se sente: fez o ser humano com zelo e arte, desejoso de ser acolhido em seu interior, em sua vida, em seu coração. O fez templo vivo para nele morar. Mas os homens e mulheres, egoístas, optaram por caminhar sozinhos e abandonaram o Criador. E Deus continua de fora, olhando, amando e contemplando sua criatura, desejoso de adentrar em seus projetos e ser acolhido no santuário sagrado que Ele mesmo construiu: o coração humano.
Deus fez o ser humano. Este, optou em deixa-Lo lá fora. Um golpe trágico! Atitude corriqueira dos falsos cristãos dos dias de hoje.

PARA ILUSTRAR:
“O ser humano é presença viva de Deus. Não há nenhum ser humano que não seja templo vivo de Deus. Pratica idolatria aquela Igreja que queira servir a Deus dando as costas aos pobres, aos refugiados, aos emigrantes, aos explorados. É muito fácil ter fé em Jesus. Hitler se considerava católico e dizia que tinha fé em Jesus; Mussolini, também; Pinochet, também. A questão não é ter fé em Jesus, é ter a fé de Jesus. E a fé de Jesus está intimamente vinculada à justiça.” 

A TRAGÉDIA DE DEUS: UM GOLPE!!


Um trabalhador da construção civil, servente de pedreiro muito eficiente, chega diante de um condomínio de luxo que ajudou a construir. Olha para o arranha-céu e o contempla. Como num filme, lembra os meses de trabalho quando fazia a massa para unir os tijolos agora compactados que agora tornaram-se uma unidade. Seu desejo é poder morar ali, ser acolhido como parte dos seus moradores, conviver, amar e ser amado.
Essa é a situação de Deus: fez o ser humano com zelo e arte, desejoso de ser acolhido em seu interior, em sua vida. O fez templo vivo para nele morar. Mas o Homem, em seu egoísmo optou por caminhar sozinho e abandonou o seu Criador. E Deus continua de fora, olhando e contemplando sua criatura, desejoso de morar no lugar que construiu para nele habitar: o coração humano.
Deus fez o ser humano. Este, optou em deixa-Lo de fora. Um golpe trágico! Atitude corriqueira dos falsos cristãos dos dias de hoje.

PARA ILUSTRAR:
“O ser humano é presença viva de Deus. Não há nenhum ser humano que não seja templo vivo de Deus. Pratica idolatria aquela Igreja que queira servir a Deus dando as costas aos pobres, aos refugiados, aos emigrantes, aos explorados. É muito fácil ter fé em Jesus. Hitler se considerava católico e dizia que tinha fé em Jesus; Mussolini, também; Pinochet, também. A questão não é ter fé em Jesus, é ter a fé de Jesus. E a fé de Jesus está intimamente vinculada à justiça.”